COVID-19
Tendência

Covid-19: Vacinas da Pfizer já estão em S. Vicente

As primeiras vacinas da marca Pfizer chegaram hoje à ilha de S. Vicente e, conforme Elísio Silva, amanhã, dia em que se completa um ano sobre o surgimento do primeiro caso oficial da doença em Cabo Verde, será dado início ao plano de vacinação pelas 9 horas na Delegacia de Saúde. Entretanto, o Delegado de Saúde evitou entrar em mais detalhes, ou seja, adiantar quantas doses chegaram e quem serão as primeiras pessoas a receber o medicamento. Estas informações, assegura, serão reveladas durante esse acto simbólico. 

Entretanto, hoje de manhã a enfermeira Helga Fontes Bandiane, 63 anos de idade, fez história ao ser a primeira pessoa vacinada em Cabo Verde contra a Covid-19, mais precisamente na cidade da Praia. Segundo esta técnica do Centro de Saúde de Achada Santo António, há um ano que se espera por esse momento, pelo que se trata de um dia marcante para todos os profissionais da saúde e os cabo-verdianos, de forma geral.   

Em declarações à imprensa, Helga Bandiane aconselhou toda a população a vacinar e lembrou que todos os remédios apresentam os seus níveis de riscos. Inclusive um “simples” paracetamol. “Se pesarmos os riscos e benefícios há mais benefícios do que riscos”, enfatiza a enfermeira, para quem vacina é vida.

Além de Bandiane, outras cinco profissionais do sector da saúde foram vacinadas na cidade da Praia. Presente nesse acto oficial e histórico, Ulisses Correia e Silva garantiu que o processo de vacinação vai começar em todas as ilhas amanhã e voltou a enfatizar que o pessoal da saude terá prioridade, assim como alguns grupos de risco. Adiantou que as vacinas a serem aplicadas em primeiro lugar serão as da Pfizer e que o Governo espera aumentar o nível da cobertura da vacinação e imunizar a população até finais deste ano.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo