COVID-19

Covid-19: Cabo Verde tem menos de 100 novos contágios pela primeira vez desde 06 de abril

Cabo Verde registou hoje 77 casos de infecção pelo novo coronavírus em 664 amostras. O Director Nacional da Saúde, Jorge Barreto, destacou o facto de ser primeira vez desde 06 de abril que o país fica abaixo dos 100 casos/dia, reforçando assim a tendência de queda da taxa de positividade. “Houve uma diminuição considerável da taxa de incidência nos últimos 14 dias”, disse.

Os casos novos foram confirmados 21 na Praia, 13 em Santa Catarina de Santiago, 1 no Tarrafal, 3 em São Miguel, 3 em Santa Cruz, 1 em S. Lourenço dos Órgãos, 1 nos Mosteiros, 1 em Santa Catarina do Fogo, 1 na Brava, 6 na Ribeira Grande de Santo Antão, 4 no Porto Novo, 17 em São Vicente e 5 no Maio. “Estes casos novos nos dão uma taxa de positividade de 11,6% e não tínhamos tido um número total de casos novos inferior a 100 desde o dia 06 de abril, pelo que é uma informação muito positiva”, afirmou.

Quanto aos casos suspeitos, Barreto anunciou a notificação de 54, sendo 2 na Praia, 18 em Santa Catarina de Santiago, 12 em São Miguel, 3 em Santa Cruz, 1 em S. Lourenço e 18 no Sal. “Temos neste momento 1947 pessoas em regime de isolamento por causa da covid-19. São os casos activos e representam 6,6% do total já notificados em Cabo Verde”, pontuou.

Uma boa noticia é que esta segunda-feira 347 doentes foram considerados recuperados: 161 na Praia, 1 na R.G de Santiago, 19 em Santa Catarina, 11 em s. Salvador, 2 no Tarrafal, 8 S. Miguel, 13 em S. Cruz, 42 S. Lourenço, 3 nos Mosteiros, 67 na Brava, 16 na R.G de Santo Antão, 5 no Porto Novo, 14 em S. Vicente, 6 no Sal, 17 na Ribeira Brava, 10 na Boa Vista e 6 no Maio.

“Estamos com um acumulado de 27.189 pessoas que tiveram alta, o que representa 92,4% dos casos notificados e 29411 pessoas já foram identificados com covid-19 no país, 74% sem ou com sintomas muito leves e 26 com sintomas mais acentuados. Infelizmente hoje tivemos a notícia de mais dois óbitos, ambos na Praia, em pessoas com mais de 60 anos. Aliás, em relação aos óbitos, as pessoas com idade igual ou superior a 60 anos constituem a maioria das vítimas, 82%.”

Eleva-se assim para 258 o total de óbitos e a taxa letalidade global está em 0,88%. Estão internadas nos hospitais 6 pessoas no Agostinho Neto, dos quais duas em situação grave; 6 no Dr. Baptista de Sousa e 6 no Santa Rita Vieira, todos estáveis; 1 no Ramiro Figueira e está em situação crítica; 4 no João Morais, 6 no são Francisco de Assis, 2 na Boa Vista e 1 em São Nicolau, todos sem sinais de gravidade. A taxa de ocupação dos hospitais é de 40%.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo