Tecnologia/Curiosidades

Edição do Superman que custava 10 céntimos em 1939 comprada em leilão por 2,6 milhões de dólares

Um colecionador comprou esta semana um exemplar da revista Superman publicada em 1939, um ano após a criação do super-herói de banda desenhada, por nada menos 2,6 milhões de dólares. O livro, que foi adquirido por 10 céntimos de dólar em 1979 pelo vendedor Mark Michaelson ao proprietário original, mostra na capa o mítico super-herói de capa vermelha sobrevoando prédios de uma cidade e foi mantido durante todos estes anos sob temperatura controlada. Este reformado, que vive em Houston (Texas) manteve a revista bem guardada num cofre com controlo de temperatura.

Segundo a ComicConnect.com, casa de leilões online, o actual comprador, que desembolsou o equivalente a 2,3 milhões de euros pela revista, preferiu manter o anonimato.

Afecto à DC Comics, empresa “rival” da Marvel, Superman foi criado em 1938 pelo escritor norte-americano Jerry Siegel e pelo ilustrador canadiano Joe Shuster. As bandas desenhadas mais raras do Super-Homem têm sido vendidas por valores recordes em leilões promovidos recentemente. A ComicConnect anunciou em abril ter vendido, por 3,25 milhões de dólares (2,7 milhões de euros), a história que apresentou o Super-Homem ao mundo em 1938.

Segundo Stephen Fischer, director da ComicConnet, o preço do livro atingiu esse valor astronómico pela sua elevada qualidade. Assegurou que é muito difícil encontrar edições do primeiro Superman publicadas pela National Publications, antecessora da DC Comics, tão bem conservadas, como foi o caso.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo