HBS

Covid-19: Doente em situação critica faleceu na tarde desde sábado no HAN

O paciente de 65 anos que estava internado no Hospital Agostinho Neto em estado critico acabou por falecer na tarde deste sábado, vitima da covid-19, confirmou o director do Serviço de Controlo e Prevenção da Doença, depois de ontem ter apresentado uma ligeira melhoria. Com esta morte, a terceira no país desde o inicio da pandemia, a taxa de letalidade para pessoas com mais de 60 anos sobe para 11%.

Segundo Jorge Barreto, o paciente esteve dez dias internados e a sua morte não foi uma surpresa de todo porque tinha 65 anos, o que o colocava no grupo de risco. Para além  disso, tinha outras complicações de saúde, segundo o director do Serviço de Controlo e Prevenção da Doença. “Tudo isso complicava e colocava-o dentro do grupo de risco. É uma hipótese que pode acontecer. Uma pessoa ter Covid-19 e ter uma evolução desfavorável. Não temos como prever isso. Neste caso concreto, o paciente tinha dois factores de risco: idade e problemas de saude”.

O corpo do paciente, refira-se, não vai ser entregue aos familiares, pelo que Jorge Barreto aproveitou para apresentar os seus pesares e muita força à família, em seu nome e no do Ministério da Saúde e Segurança Social. “Não será permitido aglomeração de pessoas no funeral. O corpo não vai entregue a família, como habitualmente se faz, para ser velado. Há todo um conjunto de cuidados e pedimos a compreensão da familia. sabemos que é uma situação dolorosa porque não vão poder despedir do seu ente querido, da forma como gostariam.

Quanto aos dados de hoje, frisou que o laboratório de virologia comunicou que foram analisadas 101 amostras, das quais 71 eram para fins de diagnostico. O resultado da analises destas amostras revelaram os dois casos novos do concelho da Praia. “Estes dois casos sāo de pessoas com sintomas da covid-19”. Já em relação a suspeitos, foram notificados dois casos, um de Santa Cruz e outros de São Lourenço dos Órgãos. “Temos 238 casos em isolamento, sendo 233 na Praia. Na Boa Vista temos duas pessoas em isolamento, Tarrafal duas e Santa Cruz uma.”

Hoje tiveram alta quatro pessoas na ilha da Boa Vista e 14 na Praia, conforme os resultados de controlo efectuados hoje. Com isso, contam-se 85 pessoas recuperadas. Relativamente ao apoio psicológico na Linha Verde, de acordo com Barreto, foram feito uma média de 50 atendimentos semanais, desde que começou este serviço, a 05 de abril. “Temos cerca de 38 psicólogos disponíveis para prestar atendimento nesta linha. Há ainda um apoio da Rede de Psicólogos Voluntários de Cabo Verde. Pensamos que é uma oportunidade que as pessoas podem aproveitar, em caso de necessidade”.

 1,365 total views,  1 views today

Partilhe esta Noticia!
Tags: No tags

Leave A Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *