Mundo

UE atinge meta de 70% de adultos vacinados com 1ª dose

A União Europeia atingiu hoje a meta dos 70% de adultos vacinados contra a covid-19, com a primeira dose, em linha com o ambicionado pela Comissão Europeia, que fala num “marco importante” para a luta contra a pandemia.

“Hoje, atingimos um marco importante, tendo 70% da população adulta da UE recebido uma primeira dose de uma vacina anticovid-19. É um momento de que a UE se pode orgulhar coletivamente”, declara a comissária europeia da Saúde, Stella Kyriakides, numa reação enviada à agência Lusa.

Esta responsável diz também estar “satisfeita por 57% dos adultos da UE estarem agora totalmente vacinados, com mais cidadãos a serem vacinados todos os dias”. “As projeções mostram que vamos atingir o nosso objetivo de assegurar uma vacinação completa de pelo menos 70% até ao final do verão”, sendo essa a grande meta estipulada por Bruxelas.

Ainda assim, Stella Kyriakides vinca que “agora não é o momento de ser complacente e baixar a guarda”. “A ameaça de variantes mais transmissíveis está presente e é real, com o número de casos a aumentar novamente em todos os Estados-membros e alguns a ficarem preocupantemente para trás na vacinação”, assinala, pedindo aos “cidadãos para que confiem na ciência e se vacinem, para se protegerem a si próprios e aos outros à sua volta”.

“Precisamos de fechar a lacuna da imunidade e a porta para novas variantes e as vacinas devem ganhar a corrida sobre as variantes“, insiste Stella Kyriakides, numa alusão nomeadamente à estirpe Delta, detetada na Índia e mais transmissível do que qualquer outra.

Até o momenot, estão aprovadas quatro vacinas anticovid-19 pelo regulador da UE: a Comirnaty (nome comercial da vacina Pfizer/BioNTech), Spikevax (nome comercial da vacina da Moderna), Vaxzevria (novo nome do fármaco da AstraZeneca) e Janssen (grupo Johnson & Johnson).

C/DN.PT

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo