Mundo

AstraZeneca duplica lucros para 1.288 milhões de euros no 1.º trimestre

A empresa farmacêutica AstraZeneca, uma das duas marcas de vacinas contra a Covid-19 aplicadas em Cabo Verde, anunciou ontem que registou um lucro líquido de 1.562 milhões de dólares (1.288 milhões de euros) no primeiro trimestre do ano, mais 108,2% que no mesmo período de 2020. Num comunicado enviado à Bolsa de Londres, segundo a agência Lusa citada pelo Diário de Notícias, a empresa afirmou que o lucro antes de impostos atingiu 1.608 milhões de dólares (1326 milhões de euros) entre janeiro e março, em comparação com um lucro de 935 milhões de dólares (771 milhões de euros) no mesmo trimestre do ano passado.

As receitas totais no período foram de 7.320 milhões de dólares (6.039 milhões de euros), mais 15,2% do que no primeiro trimestre de 2020, acrescentou o fabricante de medicamentos. Destas, 7.257 milhões de dólares (5.987 milhões de euros) provêm das vendas de produtos farmacêuticos (mais 14,9% do que no período anterior) e 63 milhões de dólares (51,9 milhões de euros) de colaborações (mais 46,5%).

Excluindo as vendas da vacina contra a Covid-19 (275 milhões de dólares/226 milhões de euros), as receitas da empresa atingiram 7.045 milhões de dólares (5812 milhões de euros) e o lucro operacional aumentou 55,3% para 1.895 milhões de dólares (1563 milhões de euros). O ativo total da empresa era de 64 926 milhões de dólares (53 563 milhões de euros) em 31 de março.

C/Dn.pt

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo