Economia
Tendência

Mindelo recebe as exposições Expomar, Feira Internacional de Cabo Verde e Feira de Oportunidades entre setembro e dezembro

A cidade do Mindelo vai receber este ano três exposições empresariais entre finais de setembro e meados de dezembro. Conforme informações disponibilizadas ao Mindelinsite por Angélica Fortes, administradora-delegada da FIC, estão confirmadas a realização da Expomar, a Feira Internacional de Cabo Verde e a Feira de Oportunidades, o que contraria a ideia de que a ilha de S. Vicente não teria este ano esses importantes eventos devido a falta de espaço.

“A Administração da FIC não deixou cair a tradição da Feira Internacional respeitar a alternância e esta seria a vez do Mindelo receber a feira, logo tudo fizemos, juntamente com o Estado de Cabo Verde e em parceria com a Enapor, para que hoje pudéssemos anunciar estes eventos”, diz Angélica Fortes, adiantando que algumas empresas já concretizaram a sua inscrição, o que, para ela, comprova a importância e o contributo dessas exposições na promoção da economia das regiões e do país.

Angélica Fortes, adminitradora-delegada da FIC

A primeira será a nona edição da Expomar – feira das actividades ligadas ao mar -, que decorre entre 29 e 30 de setembro e 1 de outubro, em parceria com o Ministério do Mar. O objectivo é promover e incentivar o aproveitamento das oportunidades proporcionadas pelas atividades económicas ligadas à economia azul. “Com foco na promoção dos negócios in e off-shore, na partilha de conhecimentos e experiências, e bem como no debate estratégico e científico, a Expomar continuará a promover os projetos transversais focados no desenvolvimento de negócios na área do mar”, enfatiza a citada fonte.

A segunda exposição é a Feira Internacional de Cabo Verde, edição prata, que comemora os 25 anos de organização das feiras empresariais em Cabo Verde. Esta que é a principal exposição da FIC acontece nas instalações da Enapor de 16 a 19 de novembro. Este evento, decorre sob o lema “25 anos a promover negócios em Cabo Verde”, continua com a respeitar o propósito de incentivar parcerias empresariais e transferência de conhecimento, “fazendo jus à marca deste evento, que é o de continuar a ser a plataforma de negócios por excelência em Cabo Verde”.

O programa das feiras será fechado com a II edição da Feira de Oportunidades, marcado para 15 a 17 de dezembro. Angélica Fortes adianta que este evento será o ensaio de um centro amovível e temporário próximo ao Natal, direcionada para a exposição e venda dos produtos e serviços das pequenas e médias empresas. Esta exposição, assegura Angélica Fortes, é pensada para promover exclusivamente os pequenos empresários/expositores que, por dificuldades financeiras, não conseguem marcar presença na Feira Internacional.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo