DesportoEscolha do Editor

Faleceu o internacional “Prigose”, antigo lateral direito do Derby

O futebolista Prigose faleceu esta madrugada no hospital Baptista de Sousa, após três dias de internamento. Manuel Andrade, como era seu nome próprio, estava a lutar nos últimos dez anos contra as mazelas de um tumor na cabeça que lhe “apagou” a visão e, conforme o filho Munay Andrade, passou momentos difíceis. “Os últimos três dias foram de muito sofrimento para ele, mas o meu pai era um lutador”, diz.

Antigo pescador e negociante de bordo, Prigose viu a sua vida profissional afectada pela doença. Depois de perder a visão teve que parar as suas actividades. Apesar de evacuado para Portugal onde fez uma cirurgia para retirada do tumor foi impossível recuperar a vista. De lá para cá a sua vida foi levada numa luta tremenda contra os efeitos do tumor. Até que esta madrugada acabou por sucumbir aos 59 anos de idade.

“Ele era um pai excepcional, um amigo da família, tendo começado a trabalhar ainda na adolescência. Frequentava o largo do Pelourinho, na Rua da Praia d’Bote, foi pescador e fazia negócios a bordo dos barcos. Depois começou a sua carreira desportiva ainda bastante jovem”, recorda o filho.

Prigose jogou pelo Derby e Mindelense, dois clubes federados, mas, segundo Munay, o seu emblema do coração era o Derby. Considerado um lateral direito agressivo e inteligente acabou por ser chamado para a selecção de Cabo Verde. Sagrou-se campeão regional e nacional pelo Mindelense. 

O jogador foi também o segundo presidente do Clube Desportivo de Fonte Francês e elevou o nome dessa zona ao ser convocado para a selecção. A direcção do clube já decretou dois dias de luto em sua memória. O funeral está marcado para as 15.30 horas a partir da sua residência em Fonte Francês.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo