Social
Tendência

Três mulheres detidas por burla qualificada em SV, sendo duas delas mãe e filha

Três mulheres, entre as quais mãe e filha, foram detidas esta quarta-feira pela PJ em S. Vicente, suspeitas da prática de vários crimes de burla qualificada de 2017 a 2021. Apresentadas ao Tribunal da Comarca de S. Vicente, duas delas ficaram em prisão preventiva e a terceira sujeita a apresentação periódica, como medidas de coação. Na nota remetida a este jornal, a Judiciária só informa que as suspeitas enviadas para a prisão têm 31 e 63 anos de idade, sem especificar se são a filha e a mãe.

As envolvidas, que residem nas localidades de Madeiralzim e Chã d’Marinha, terão causado prejuízos a mais de 20 pessoas em torno dos 6 mil contos durante pelo menos cinco anos e foram presas anteontem pela Brigada de Crimes Económicos e Financeiros fora de flagrante delito, em cumprimento de mandados de captura emitidos pelo Ministério Público.

Ainda na sequência do cumprimento de quatro mandados de busca, a PJ apreendeu vários mobiliários que se presume terem sido adquiridos com os valores oriundos dos crimes.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo