Mundo
Tendência

Em apoio à Palestina, judoca argelino recusa-se a lutar contra oponente israelita e abandona Jogos Olímpicos

Em apoio à Palestina, o judoca argelino Fethi Nourine desistiu da competição em Tóquio para evitar lutar contra atleta israelita.

O atleta da Argélia, Fethi Nourine, desistiu da competição de judo nos Jogos Olímpicos para evitar o confronto com um adversário israelita, em apoio à Palestina. “A causa palestiniana é mais importante”, diz.

Fethi Nourine, de 30 anos, foi qualificado para os Jogos Olímpicos de Tóquio, mas não irá competir por razões ideológicas. O judoca argelino decidiu retirar-se após o sorteio da categoria -73kg, que se irá realizar na segunda-feira no ginásio Budokan, grande templo das artes marciais do Japão.

No sorteio foi destinado que o judoca da Argélia enfrentasse o israelita Tohar Butbul na segunda ronda da competição, porém a situação entre Israel e a Palestina impede o confronto: “Trabalhamos muito para nos classificarmos para os Jogos, mas a causa da palestina é maior do que tudo isso”, confessou Fethi Nourine.

Uma situação semelhante já tinha ocorrido no Campeonato do Mundo de Judo, uma vez que Fethi desistiu da competição para evitar lutar contra Tohar Butbul em 2019.

C/ Dn.pt

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo