Mundo

Detidos dois suspeitos de assassinar cabo-verdiano à facada na estação do metro em Lisboa

Dois suspeitos de esfaquear até a morte o jovem cabo-verdiano Rafael Lopes na estação do metro de Laranjeiras, num ajuste de contas entre grupos rivais, foram detidos pela Polícia Judiciária portuguesa esta madrugada. As autoridades procuram ainda outros suspeitos. Os dois suspeitos, também eles jovens, residem na Amadora. Já a vítima vivia na Cova da Moura.

O jovem foi morto no interior da estação de metro de Laranjeiras, na freguesia de São Domingos de Benfica em Lisboa, ao início da tarde de ontem. Era estudante, tinha 19 anos e era de origem cabo-verdiana, segundo informações avançadas pela SIC Notícias e confirmadas pela agência Lusa.

Os agressores, segundo fonte da Polícia de Segurança Pública (PSP) eram seus conhecidos. “Foi uma ocorrência por volta das 13h17, um jovem foi agredido com arma branca, vindo a falecer na estação das Laranjeiras”, referiu a PSP, que inicialmente tinha informado que era um jovem entre os “18 e os 20 anos”.No entanto, familiares da vítima vieram desmentir esse dado, dizendo que se tratava de um estudante que era menor de idade.

Segundo a autoridade policial, os suspeitos do homicídio são dois homens, estando ainda por saber as idades e os motivos que levaram a agredir o menor no interior da estação do Metropolitano de Lisboa. Os suspeitos conheciam o menor e agora continuam em fuga, revela a imprensa Lusa.

Já as testemunhas que presenciaram o homicídio, em declarações à mesma estação televisiva, dizem que poderá ter sido um “assalto” ou “acerto de contas”, uma vez que, após a primeira facada, os dois homens perseguiram a vítima até ao interior da estação das Laranjeiras. 

As imagens da videovigilância foram cedidas a Polícia Judiciária. Já a PSP reuniu esforços para encontrar os dois suspeitos que “fugiram após as agressões”. Após o homicídio, as carruagens do metro deixaram de parar na estação das Laranjeiras. Por volta das 17h45, a ligação foi retomada.

C/ SIC Notícias e Lusa

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo