Mundo
Tendência

Andrea Almeida classificou-se no Top 25 no Miss Global e foi recebida em festa na Espanha

A modelo de origem cabo-verdiana Andrea Maria Almeida, que se classificou no Top 25 do concurso Miss Global, cuja gala final aconteceu no fim-de-semana, foi recebida com uma festa surpresa no seu regresso a Espanha. Após 20 horas de voo desde Bali, a jovem foi acolhida em Valência por familiares e amigos, em uma recepção organizada pelo cônsul honorário de Cabo Verde, Alfonso Alvarez.

“Fico feliz por tornar Cabo Verde mais conhecido mundialmente”, declarou Andrea Almeida, que se classificou no Top 25 entre os 80 países participantes no concurso. “Prometemos fazer história em Bali e fizemos um bom trabalho. Nas eliminatórios com votação do público classificamo-nos no Top 25. Fomos então para o Top 10, com votos dos jurados, mas infelizmente fomos eliminados”, descreve Annie da Cruz.

Apesar disso, a jovem foi recebida em festa e mostrou-se particularmente tocada pelo acolhimento das pessoas. “Agradeço por poder contribuir para tornar Cabo Verde mais famoso” acrescentou, empolgada, mesmo após 20 horas de voo entre Bali e Espanha, lembrando que o tema do concurso de beleza deste ano foi  “Empoderando mulheres, abraçando culturas, incorporando a beleza”. 

Muitos foram os amigos que partilharam as fotos da chegada de Andrea Almeida a “casa”, como por exemplo Deolinda Camões, que, para além de parabenizar a modelo, escreveu: “Com Cabo Verde no coração e todas as forças da tua criolidade, mostraste a cultura, história e beleza do nosso povo”.

Aproveitou para agradecer a sua orientadora, Annie Helena da Cruz, que, do seu ponto de vista, merece um grande aplauso pelo apoio desde Madrid – já que não conseguiu acompanhar Andrea na viagem para Bali – e ao cônsul honorário de Cabo Verde em Valência, pelo carinho com que trata os cabo-verdianos. 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo