Desporto

Castilho elege uma “direcção jovem” para organizar, alavancar e recuperar essência clube

O Grémio Sportivo Castilho elegeu ontem uma nova direcção para o biénio 2021/2023, encabeçada por Emanuel Rodrigues, que propõe, de entre outras acções, organizar a gestão do Clube a nível administrativo e patrimonial e, sobretudo, no departamento de futebol. A posse desta direcção, a mais jovem da história do Castilho, será na próxima sexta-feira, 24.

A lista “Somos todos um para um melhor Castilho”, liderada por Emanuel Rodrigues, fez uma “corrida solitária”, após a desistência da outra lista concorrente por não preencher todos os requisitos exigidos. Agora, como frisa o novo presidente do Grémio, é hora de arregaçar as mangas e trabalhar para reorganizar a gestão do clube e o seu departamento de futebol, buscando resgatar o seu prestígio em São Vicente.

“A nossa candidatura teve como base a situação porque passa o Castilho a nível da gestão, travar o esvaziamento da essência do Clube conforme projectado pelos seus fundadores e a perda de influência e de protagonismo no desporto e na sociedade. Estes são os três motivos que nos levaram a candidatar”, refere Rodrigues, o mais jovem presidente já eleito pelo Clube. Aliás, como faz questão de frisar, encabeça uma lista completamente jovem.

Entre os objectivos preconizados, a nova direcção destaca a promoção do desenvolvimento integrado do Grémio Sportivo Castilho com aposta nos sectores do futebol, ténis, actividades recreativas, culturais e sociais, e novas tecnologias. “Vamos tentar também potenciar a proximidade dos sócios antigos e trazer mais associados, já que tivemos uma queda substancial neste sentido”, diz o entrevistado Mindelinsite.

Emanuel Rodrigues não aponta o dedo a direcção cessante, optando por dizer que a queda do Clube começou há anos. Diz que o Castilho foi um grémio com uma influencia muito grande na sociedade mindelense a nível cultural, teatral, no atletismo, ténis e futebol, mas esta essência foi-se perdendo. “Queremos voltar a colocar o clube no lugar que merece. Felizmente, a nível desportivo, se cumpriu o propósito principal de manter o Castilho na primeira divisão por quatro anos consecutivos. Mas queremos resgatar, durante a nossa gestão, toda a antiga glória do Clube”, constata.

Outro objectivo da equipa eleita é de promover acções de divulgação do clube junto da sociedade, através de actividades no âmbito da saúde, educação, entretenimento e desporto, na perspectiva da melhoria da qualidade de vida, privilegiando o recurso a parcerias com instituições públicas e privadas. Terá ainda a responsabilidade de implementar uma visão empresarial na organização e gestão, aumentar as receitas, conter o crescimento das despesas e também na gestão do ativo do clube.

A nível do desporto, Rodrigues espera manter o clube na 1ª Divisão, criar mais modalidades para além do futebol e do ténis, introduzir novos escalões e escolas de iniciação desportiva, e ainda realizar intercâmbios com outros clubes nacionais e internacionais, e com outras instituições. Com uma estrutura de planificação, este acredita que a direcção será capaz de alavancar o desenvolvimento do clube e procurar melhores oportunidades de competir a nível regional e, posteriormente, nacional, em todos os sectores.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo