Atualidade
Tendência

Construção do Terminal de Cruzeiros: Segundo rebentamento previsto para hoje com carga de 100 quilos

Está previsto para hoje às 17 horas o rebentamento de cem quilos de explosivos no fundo marinho da área destinada à construção do Terminal de Cruzeiros do Porto Grande. Ontem foi feita uma primeira experiência com 50 quilos e hoje, adianta o Eng. Bruno Fortes, a potência da explosão será maior. Segundo o gestor do projecto do Terminal de Cruzeiros, a primeira explosão decorreu como prevista e sem quaisquer incidentes, tendo sido acompanhada pelas autoridades marítimas e portuárias.

“Vamos ter um rebentamento por dia até finais de julho. Será dado um alerta sonoro sempre antes de cada rebentamento”, informa Bruno Fortes, adiantando que a equipa técnica envolvida nesse processo integra cerca de 30 pessoas, que trabalham no mar e em terra. O objectivo das explosões é o rebaixamento do fundo na área de manobra dos navios do futuro cais de navios cruzeiros.

Após os rebentamentos das rochas submersas haverá um período de espera até outubro, por causa da proteção das espécies marinhas, e no mês de novembro começa a dragagem da bacia portuária que vai receber a infraestrutura.

Os trabalhos tiveram início anteontem com a colocação de boias de sinalização, para evitar a interferência com as operações portuárias regulares e garantir a segurança do tráfego marítimo, dos trabalhadores e dos equipamentos. Como informa a Enapor, os trabalhos irão ocorrer num período de 7 dias por semana e até 31 de Julho.

As obras serão executadas pelo consórcio luso-cabo-verdiano constituído pelas empresas Mota-Engil-Engenharia e Construção, SA e Empreitel Figueiredo, SA. O projeto é cofinanciado pelo Governo de Cabo Verde, o Fundo ORIO, dos Países Baixos, e pelo Fundo OPEP (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) para o Desenvolvimento Internacional. 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo