Escolha do EditorSocial

Tribunal confisca passaporte de estrangeiro acusado de abuso sexual de criança na BV

O Tribunal da Comarca da Boa Vista confiscou o passaporte e interditou a saída de Cabo Verde a cidadão natural da Guiné Bissau, suspeito de pratica de sete crimes de abuso sexual de uma criança de 12 anos, entre 2016 e 2017. Este está ainda proibido de contactar a vitima.

De acordo com a Polícia Judiciária, o individuo de 51 anos foi detido ontem no bairro da Boa Esperança, no cumprimento de um mandado do Ministério Público. “Suspeita-se que o individuo, que vivia maritalmente com a mãe da vítima, aproveitava-se da ausência desta, que ia trabalhar, para cometer os crimes”, refere.

Presente às autoridades judiciárias da ilha da Boa Vista foi-lhe aplicado apresentação periódica, proibição de contacto com a vítima e interdição de saída do país com confisco do passaporte como medidas de coação pessoal. 

Já na cidade da Praia foi detido um outro individuo de 51 anos, residente em Achadinha meio, também ele acusado de três crimes de agressão sexual com penetração  e cinco de abuso sexual de criança. A vitima neste caso era também a enteada de 11 anos, com quem residia na mesma casa. 

Também neste caso o Tribunal aplicou prisão preventiva como medida de coação. 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo