Social
Tendência

Praça Nova palco de espectáculo musical que marca arranque da campanha de responsabilização parental

A ilha de S. Vicente deu ontem o arranque oficial da campanha de responsabilização parental com actividades diversas iniciadas logo de manhã no parque infantil e que culminaram com um espectáculo musical no centro da Praça Nova, organizado com o apoio do empresário Djô da Silva. Pais e crianças tomaram de assalto este ponto de convivência social para aplaudir e cantar em coro com artistas consagrados – como Fábio, Lizandra, Carmen Silva e Tiago – e as vozes mais joviais de Lara e Luana, que fizeram duo com a artista Ceuzany.

Como era de esperar, a cantora interpretou “Mnine d’rua ma mim”, música bem conhecida do público infantil e que se adaptou perfeitamente ao teor da campanha lançada ontem pela Aldeia SOS, a Câmara e Assembleia Municipal de S. Vicente, ICCA, Ministério da Educação e pessoas singulares.

Luana e Ceuzany

Para Graça Gomes, coordenadora do Centro Social das Aldeias SOS – Mindelo, esse momento foi um sucesso pelo nível de adesão dos pais e crianças e diz esperar que possam ouvir as mensagens a serem repassadas ao longo da campanha. “Esta campanha tem 3 anos de duração e foi lançada porque temos deparado diariamente com situações que apontam para a irresponsabilidade parental. Algumas de forma deliberada, outras por falta de condições dos pais para assumirem as suas responsabilidades”, diz Graça. Segundo esta responsável pela aldeia SOS, a situação precisa ser enfrentada e mitigada, mesmo que seja através do suporte de diversas instituições, nos casos em que a mãe ou o pai têm dificuldades evidentes para dar conta da proteção e educação dos filhos.

Lizandra

No entanto, Graça Gomes defende uma mudança na lei e que possa responsabilizar criminalmente os pais que abandonam os filhos. Como diz, há muitas leis sobre a proteção das crianças, mas nenhuma que obrigue os pais a serem responsáveis.  

Dado o pontapé de saída, a próxima actividade será um encontro de reflexão aberto a instituições, autoridades e público sobre a responsabilização parental. A expectativa é que saia dessa reunião sugestões e alternativas de abordagem do problema. Está ainda agendado para os dias 20 e 21 de junho uma corrida promovida pelo atleta internacional João Felix, que tem estado envolvido em causas sociais, com apoio da associação de atletismo de S. Vicente e da federação da modalidade. O primeiro dia será dedicado às crianças do pré-escolar e do ensino básico e o segundo com o envolvimento de corredores de renome das ilhas de S. Vicente e Santo Antão.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo