C1Social

OMCV-SV defende criação de fundo para doação de máscaras aos mais carenciados

A delegada da Organização da Mulheres de Cabo Verde, em São Vicente, apelou as autarquias para que criem um fundo de apoio destinado a doação de máscaras. Esta posição surge na semana em que foi instituída a obrigatoriedade para o uso de máscaras no acesso a empresas e outros espaços e numa altura em que a sede no Mindelo da OMCV tem estado a receber mais pedidos do que esperava dar vazão.

“A nossa meta era de 8 mil máscaras, com base no financiamento que tínhamos recebido, as doações de tecido e as voluntárias que se dispuseram a fabricar estes acessórios de proteção. Já alargamos a meta em torno de 10 mil, visto já termos entregue 4900 em São Vicente, 3000 em Santo Antão, quatrocentas enviadas para Boa Vista e ainda há uma lista de espera em São Vicente que ultrapassa 2700 máscaras”, explica a delegada Fátima Balbina.

Apesar do sentimento de gratidão pela organização conseguir dar o seu contributo para a proteção das pessoas ao contágio pela Covid-19, Balbina enfatiza que a OMCV tem estado sob pressão para dar resposta à quantidade de pedidos de máscaras recebida nestes tempos. Como lembra, nem toda gente tem possibilidades para adquirir esses acessórios noutro lugar.

A estrutura da instituição está neste momento voltada na sua totalidade para a produção e distribuição de máscaras, pelo que as outras atividades serão retomadas a partir da terça feira. Cada uma das nove costureiras produz de 20 a 30  máscaras por dia de design e cores variados. A OMCV passou também a apostar em modelos para crianças.

Porém, a produção pode parar se não houver a reposição de estoque de elásticos, que usam na sua confecção. Por isso Balbina pede a quem possa para fazer doações na sede da organização na pracinha Dr. Regala ou que, em troca de máscaras, sejam entregues elásticos. Mesmo estando fechada para mais pedidos, a OMCV abre excepção para líderes comunitários que identificarem pessoas com necessidade de máscaras nas zonas e que não tenham condições financeiras. Estes deverão contactar a OMCV pelo número 993 36 38.

Continuando o papel social que vem desempenhando, a organização irá enviar em breve para a Boa Vista um total de 600 máscaras para serem distribuídas.

Sidneia Newton

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo