Escolha do EditorSocial

Mais de uma centena de escolas concorre este ano ao Selo de Qualidade em Educação

A segunda edição do concurso Selo de Qualidade em Educação registou um aumento do número de escolas inscritas para o evento, que acontece a 5 de Outubro na Assembleia Nacional. Este ano houve uma manifestação de interesse em massa, que agradou a organização. Vão estar em prova 84 Instituições públicas e privadas, sendo 29 concorrentes em agrupamento, pelo que a organização acredita que a participação tenha ultrapassado uma centena de escolas.

Ultrapassamos o número de inscritos porque as outras instituições viram o trabalho feito em torno das escolas que concorreram na primeira edição, que tiveram muitos ganhos. Acredito ainda que o trabalho que tem sido feito pela comissão organizadora e a Direção Nacional da Educação perto das escola e das delegações contribuiu para o aumento do número de inscritos”, assegura Mónica Silva, coordenadora da comissão que organiza o evento. Esta sublinha que o crescimento foi registado em todas as ilhas e concelhos do país.

Este ano a grande novidade do concurso são as 4 categorias  que irão premiar com o primeiro e o segundo lugar as Instituições educativas mais inclusivas e cidadãs, as que melhor promovem a leitura, as promotoras do desporto e da Saúde e amiga do ambiente e promotora das artes. “Houve alguma mudança no regulamento, tendo em conta o feedback que tivemos das escolas e da equipa de júris do ano passado, o que nos levou a melhorá-lo. Então, decidimos avaliar as escolar por categorias e serão entregues oito prémios, sendo os primeiros lugares de 250 mil escudos e os segundos de 150 mil” explica a coordenadora. Além do valor, os patrocinadores irão entregar outros prémios aos primeiros classificados. “Teremos ainda troféus de patrocinadores e prémios que a Unitel Tmais irá entregar aos vencedores. Estamos a contar com os parceiros, que são vários.”

Uma vez que este evento volta a acontecer na Assembleia Nacional, na cidade da Praia, Mónica Silva adianta que a organização ainda está a procurar meios para levar os representantes de todas as escolas concorrentes ao local. Neste momento o concurso encontra-se na reta final e, de acordo com Silva, em breve a equipa de júri irá entregar o relatório final. A entrada é gratuita.

Sidneia Newton (Estagiária)

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo