Social
Tendência

Emigrante Luís Neves traz a CV professor de engenharia e programação David Taylor para workshops

O emigrante Luís Neves vai concretizar em meados deste mês mais um dos tantos projectos sócioeducativos que tem estado a desenvolver em Cabo Verde nos últimos quatro anos, a partir dos Estados Unidos da América. Depois de apostar na oferta de equipamentos desportivos, tablets e  portáteis a empresas e associações diversas em S. Vicente, este técnico informático traz agora às ilhas de S. Vicente e Santo Antão o colega David Taylor, professor de engenharia e programação de computadores em Charlotte Latin School para ensino e troca de experiência na área da ciência, tecnologia e matemática. O foco, explica, será em electricidade, electrónica e ciência de computação por meio do microcomputador Rasperry Pi e outros materiais de apoio.

“O objectivo do projecto é fornecer recursos físicos e intelectuais relacionados à aprendizagem de conteúdos STEM (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Informática), bem como ajudar a criar um relacionamento com as escolas de Cabo Verde para que se possa desenvolver novas iniciativas”, explica Neves, técnico da clínica privada de saúde Charlotte Eye Ear & Throat Associates, enfatizando que a concretização do projecto é graças ao apoio de Carlos Veiga, que aceitou financiar as passagens.

Conforme a agenda, David Taylor e Luís Neves estarão na escola de Monte Sossego no dia 15 para uma pequena demonstração para os alunos e professores. Depois partem para Santo Antão, onde irá decorrer dois workshops em Porto Novo e Paul nos dias 16 e 17. Os materiais usados nessas formações serão oferecidos às escolas dos dois concelhos.

Refira-se que Neves enviou três tambores com equipamentos e materiais desportivos destinados a clubes e escolas em S. Vicent e Santo Antão. Algumas bolas de basquetebol serão entregues à escola do Calhau, que ajudou na pintura do pátio e recuperação das tabelas.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo