Mundo
Tendência

Primeiro carregamento de cereais já saiu do porto de Odessa

O primeiro carregamento de cereais ucranianos deixou o porto de Odessa na manhã desta segunda-feira, tal como previsto nos termos do acordo internacional com a Rússia, assinado em Istambul, anunciou o Ministério da Defesa turco. Conforme o website Dn.pt, o navio de carga, com pavilhão da Serra Leoa, deve fazer uma escala em Istambul na terça-feira onde vai ser inspecionado antes de seguir viagem. A carga, adianta esse jornal, tem como destino o Líbano, país que enfrenta uma grave crise económica e financeira.

A Rússia e a Ucrânia assinaram acordos separados com a Turquia e as Nações Unidas, abrindo caminho para a Ucrânia – um dos principais celeiros mundiais – exportar 22 milhões de toneladas de cereais e outros produtos agrícolas que ficaram retidos nos portos do Mar Negro devido a invasão da Rússia. Os acordos também permitem à Rússia exportar cereais e fertilizantes.

“Hoje, a Ucrânia e parceiros dão mais um passo no sentido de prevenir a fome no mundo”, disse o ministro ucraniano das Infraestruturas, Alexander Kubrakov, enfatizando que o transporte de cereais também vai “ajudar” a Ucrânia. O referido governante adiantou que o desbloqueio dos portos vai garantir pelo menos mil milhões de dólares à economia ucraniana.

C/ Dn.pt

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo