Economia

Samba Bathily anuncia gravação de minisérie com 56 episódios em São Vicente

O empresário e mecenas Samba Bathily anunciou ontem, após a exibição do filme Citation, que tem suporte da sua empresa Africa Development Solution e da Dream Exclusive Entertainment Prodution, para gravação na ilha de São Vicente de uma minisérie com 56 episódios. Porém, a produção está condicionada à evolução da pandemia da Covid-19 e da vacinação.

Em relação ao filme Citation, este empresário explicou que os contactos começaram em 2019, em São Vicente. Nesta altura, a sua empresa promoveu um encontro com a participação de 160 criadores africanos, entre artistas, realizadores de filmes, produtores, estilistas, de entre outros, para discutir as oportunidades das indústrias criativas em África. “Foi neste encontro que conheci o Kunle Afolayan, que tem um sonho panafricano, que também é o meu. Nas nossas conversas fiquei a conhecer a sua visão sobre este filme e decidi financiar o projecto. Sabemos que hoje os filmes são o meio mais rápido de fazer a promoção de um país e tornar a África mais conhecida.”

Samba Bathily aponta como exemplo a importância de Hollywood para os Estados Unidos, para dizer que a África também precisa que se faça conhecer. Para isso, diz, todos são imprescindíveis, desde produtores, cineastas, estilistas, etc.

Sobre o retorno que Cabo Verde poderá ter com a exibição de Citation em S. Vicente, este destaca, a priori, a visibilidade da ilha e do arquipélago nos médias. “Queremos mudar a visão que o resto do mundo tem de África. Então, quando temos um evento como este, há uma grande divulgação e, com as redes sociais, este é ainda mais ampliado. Hoje o que queremos é que se fale de Cabo Verde e da África de forma positiva e o cinema é uma grande ferramenta para se fazer isso”, assegura.

Quanto a projectos futuros deste investidor em Cabo Verde, Samba Bathily levanta uma ponta do véu para falar na gravação, em 2022, desta minisérie que, afirma, terá transmissão em todos os canais de TV nacionais em África.  “A gravação deste filme no Mindelo vai impulsionar o desenvolvimento turístico da ilha de S. Vicente e mostrar os lugares magníficos que temos em África. Mas é claro que isso só vai acontecer se o coronavírus diminuir e todas as pessoas estiverem vacinadas”, finaliza este empresário.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo