Desporto

“Challenge Trophy”: Cabo Verde defronta Conakry na final em sub-16

A selecção sub-16 de Cabo Verde tem hoje a forte possibilidade de vencer o Challenge Trophy no escalão feminino, torneio internacional de andebol que decorre este ano na Mauritânia. As meninas comandadas pela dupla Ima e Rei conseguiram o apuramento para a final e vão defrontar a congénere da Guiné Conakry. Para Nelson Martins, presidente da FCA, a formação guineense está ao alcance de Cabo Verde, apesar de já ter derrotado o combinado nacional, pelo que hoje poderá ser um dia histórico.

“Estamos profundamente satisfeitos com a prestação do escalão sub-16, que nos surpreendeu tendo em conta a inexperiência das atletas”, confessa Martins, para quem a equipa superou as suas expectativas.

Cabo Verde conseguiu atingir a final após derrotar o Senegal por 25-24, em partida disputada ontem. No entanto, a selecção começou o torneio com uma derrota perante a Guiné Conakry, mas depois alcançou duas vitórias sobre a Mauritânia e o Senegal e o consequente apuramento.

Sorte diferente teve a equipa do escalão sub-18, que foi ontem derrotada nas meias-finais pela equipa da Guiné Conakry por 31-22, pelo que só resta às meninas treinadas por Jean Pierre e Fodof conquistar o terceiro lugar. Para isso terão de vencer hoje a Mauritânia, equipa anfitriã.

Quanto à equipa feminina sub-18, a FCA esperava outra prestação, tendo em conta o palmarés que detém, no qual se destaca a conquista da medalha de prata nos Jogos Olímpicos da Juventude. No entanto, Nelson Martins diz entender que há factores, nomeadamente psicológicos, que podem influenciar a performance das jogadoras e da própria equipa técnica. “Gerir jogos é uma tarefa às vezes complicada”, frisa esse ex-treinador.

Caído praticamente o pano sobre o Challenge Trophy, a FCA já pensa no calendário das próximas competições internacionais. Em cima da mesa estão três possibilidades: participação num torneio da Zona II no escalão sub-18 masculino, de 1 a 5 de Julho, no Togo, e a Copa de África das Nações em sub-16 masculino e sub-18 feminino, que acontecem no mês de Setembro, no Níger. A FCA tem até finais de Maio para informar a Confederação Africana de Andebol se Cabo Verde vai estar presente nessas provas.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo