Social

Alegado pedófilo proibido de contactar vítima, de sair da ilha do Sal e de Cabo Verde

Um jovem de 21 anos, acusado da pratica de um crime de abuso sexual de criança, com penetração, na sua forma continuada, está proibido de contactar com a ofendida, de sair da ilha do Sal e de Cabo Verde, conforme decisão das autoridades judiciarias. 

Segundo a Polícia Judiciária, o jovem foi detido ontem, sexta-feira, na cidade dos Espargos na ilha do Sal, fora de flagrante delito, em cumprimento de um mandado emitido pelo Ministério Público. Está acusado de um crime de abuso sexual de criança, com penetração, na sua forma continuada. 

O jovem foi apresente às autoridades judiciárias na ilha do Sal para primeiro interrogatório judicial de arguido detido, tendo-lhe sido aplicado como medidas de coação pessoal cumulativamente proibição de contactar com a ofendida, de saída da ilha e do país.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo