Mundo

Investigadores descobrem proteína capaz de travar coronavírus

Um pequeno grupo de pacientes hospitalizados com coronavírus nos Estados Unidos melhorou após receber um medicamento capaz de inibir a reação inflamatória descontrolada em casos em que a doença está num pior estado de evolução. 

Segundo avança o jornal La Vanguardia, que cita o estudo apresentado na revista Science Immunology, a experiência feita com esse grupo de doentes revelou que a proteína BTK é fundamental para travar a reação inflamatória.

Para além da Covid-19, os cientistas perceberam que a proteína é igualmente capaz de ser utilizada no tratamento de outro tipo de inflamações como a pneumonia.

Até ao momento, 19 pessoas com coronavírus foram tratadas com recurso a esta proteína. Todas estavam a ser tratados através da ventilação mecânica e apresentavam altos níveis de proteínas inflamatórias como IL-6 e PCR, além do BTK (iniciais de Bruton para tirosina quinase). 

C/CM.PT

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar