Mundo

Democratas vencem no Arizona e conquistam maioria no Senado dos EUA

O Partido Democrata vai manter o controlo da câmara alta do Congresso, o parlamento dos Estados Unidos, após Catherine Cortez Masto ter conquistado a última vaga no Senado em representação do estado do Arizona. Catherine Cortez Masto é a primeira mulher hispânica a ser eleita para o Senado norte-americano. 

Este resultado contraria as projecções iniciais que apontavam uma vitória expressiva do Partido Republicado no Congresso, que é composto pelo Senado e pela Câmara. A disputa pela maioria da Câmara dos Representantes continua, conforme os votos ainda estão sendo contados cinco dias após a votação.

“Fizemos muito e faremos muito mais pelo povo norte-americano”, disse ontem a noite o líder democrata do Senado, Chuck Schumer. “O povo americano rejeitou – rejeitou profundamente – a direção antidemocrática, autoritária, desagradável e divisiva que os republicanos do Maga queriam levar ao nosso país.”

Os cidadãos americanos foram às urnas na terça-feira, 8 para escolher os 435 deputados da Câmara e 35 senadores de um total de 100, além de 36 governadores e todas as Câmaras locais, além de votações pontuais. De acordo com o resultado parcial, o Partido dos Democratas ocupará 50 vagas, contra 49 dos Republicanos.

Já na Câmara dos Representantes, os republicados seguem á frente na principal disputa. É esta Casa a que detém o maior poder de barrar ou aprovar os projetos de lei do presidente dos EUA. Quem conquistar maioria na Câmara define os caminhos do líder, o democrata Joe Biden, na segunda parte do seu mandato, que vai até 2024.

C/Globo

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo