Economia
Tendência

MDSV preocupado com fim da comissão de serviço do IG da IGAE

O MDSV – Movimento para o Desenvolvimento de São Vicente diz estar preocupado com a determinação do Governo de dar por finda a comissão de serviço do inspector-geral do IGAE. Em comunicado assinado pelos cidadãos Maurino Delgado e Lídio Silva, estes alegam que Elisângelo Monteiro vinha fazendo um trabalho meritório à frente deste que é um dos serviços mais importantes e exigentes da Administração Pública do Estado. 

Para a liderança deste movimento, as acções do IG acabam por promover um ambiente de negócio saudável entre os operadores económicos, ao reprimir as infracções anti-económicas, preservando a saúde pública dos cidadãos e transmitindo uma imagem de confiança do Governo. “Os consumidores estavam tranquilos com o  inspetor Elisângelo Monteiro no comando da Inspeção Geral das Atividades Económicas, confiantes de que o direito ao consumo de produtos de qualidade estava salvaguardado”, afirma. 

Esta prossegue dizendo que, encontrar uma pessoa com o perfil do inspector Elisângelo para o cargo não será fácil, lembrando que são funções extremamente difíceis que exigem muita entrega e uma forte consciencialização do agente. “Se quem de direito tivesse a consciência da real importância desse serviço e das dificuldades de se encontrar uma pessoa com o perfil adequado para o cargo, sobejamente demonstrado pelo desempenho do inspector Elisângelo Monteiro, ao longo desses anos, ele estaria a ser louvado e convidada para continuar”, acrescenta Delgado. 

Mas, neste caso, diz, outros interesses se sobrepõem ao normal funcionamento das atividades económicas e da saúde dos consumidores porque a meritocracia não é valorizada. E quem vai pagar são os cidadãos que, acrescenta, vão continuar a “comer pão e bolachas com ratos e baratas e tudo o mais”. 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo