Economia
Tendência

Guias de Turismo de SV esperançados na retoma do turismo

A Associação dos Guias de Turismo de S. Vicente e S. Nicolau aguarda com expectativa a retoma da actividade em Cabo Verde. A informação foi avançada pelo presidente desta classe profissional, antes da entrega dos certificados de capacitação, acto presidido pelo Ministro do Turismo, Carlos Santos, que garantiu que “já esteve mais longe a retoma”, que será gradual e lenta. 

“Estamos com muita esperança na retoma do turismo”, declarou Ruben Moreira, que diz trabalhar há cerca de nove anos como guia e que, por conta das contingência da pandemia da Covid-19, teve de suspender a sua actividade. “Felizmente, tivemos esta formação, que iniciou em Setembro e terminou em finais de novembro, e recebemos uma bolsa, financiada pelo Banco Mundial, em parceria com o Ministério do Turismo e Transportes e do Instituto do Emprego e Formação Profissional”, acrescentou. 

O Ministro do Turismo, Carlos Santos, mostra-se igualmente optimista em relação a retoma do turismo. “Já estivemos mais longe, pelas boas noticias que se começam a chegar dos países emissores em que o número de casos positivos começa a diminuir, mas também porque as condições estão a ser criadas a nível dos procedimentos e regras de segurança sanitária”, afirmou. 

Sobre este particular, o governante explicou que, num curto espaço de tempo, o Governo, através dos ministérios do Turismo e da Saúde, desenvolveu todas as condições e hoje pode-se dizer que Cabo Verde está pronto para acolher os turistas. “Ainda estamos a passar por uma crise pelo que é muito difícil dizer a data exacta em que vai chegar o primeiro avião no país. Mas, pelo menos, já temos informações de que haverá voos a partir de meados de dezembro”, revelou Santos, realçando ser este um primeiro sinal de uma retoma que, diz, vai acontecer de forma lenta e gradual. 

Carlos Santos, refira-se, fez estas declarações na cerimonia de entrega dos certificados aos 38 guias de turismo de S. Vicente que participaram de uma formação com duração de três meses inserido no programa de visita que  este efectua de 28 a 01 de dezembro as ilhas de S. Vicente e Santo Antão.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo