AtualidadeB6

Covid-19: Reagentes deteriorados interrompem realização de análises

Desde ontem que não estão a ser actualizados os dados da Covid-19 em Cabo Verde devido a detecção de reagentes deteriorados pelo laboratorio de virologia, informou a presidente do Instituto Nacional de Saúde Pública. Por causa disso e por questão de segurança, refere Maria da Luz Lima, foram suspensas a liberação de exames. 

Esta responsável explica que é fundamental que o diagnóstico seja bem feito, pelo que ao constatar que é preferível agora não liberar novos resultados, o que deverá acontecer nos próximos dias. “Esta-se a fazer tudo para, rapidamente, voltarmos a normalidade. Já foram adquiridos mais reagentes, teses e equipamentos de PCR, que deverão chegar em breve em Cabo Verde. Penso que em dois ou quatro dias, assim que tivermos esta disponibilidade e possibilidade, vamos retornar a normalidade.”

Maria da Luz Lima aproveitou para informar que as pessoas que tiveram alta tiveram resultados negativos com teses de PCR ao vírus Sars-Cov-2. Significa que, neste momento, não estão infectados. Mesmo assim, por questão de segurança, continuam a ser seguidas por 14 dias. Não devem, por isso, ter um tratamento diferenciado. “São pessoas que estão em casa e devem continuar a implementar medidas de prevenção. Isto é fundamental”, alerta a presidente do Instituto Nacional de Saúde Pública.

Maria da Luz deixou ainda um apelo, realçando que já se vê mais pessoas nas ruas e estabelecimentos mas devem manter o distanciamento fisico, utilizar máscaras, sobretudo em espaços fechados e de grande aglomeração, e lavar as mão com água e sabão. Medidas que, defende, devem passar a fazer parte da rotina das pessoas. 

Quanto aos dados de hoje, o director do Serviço de Prevenção e Controlo da Doença revelou que existem quatro casos suspeitos do concelho da Praia e 329 pessoas internadas. Ontem registou-se mais um óbito, o terceiro na capital e o quarto no país, elevando a taxa de letalidade global para 1% e de pessoas com mais de 60 anos para 8,5%. Trata-se de um indivíduo de 55 anos, com outros problemas de saúde.

Jorge Barreto declarou ainda que no dia 25 foram realizados 756 testes de rastreio nos bairros da capital, mais precisamente em Achada Santo António, Palmarejo, Tira-Chapéu e outros. Foram identificados 13 resultados positivos, que terão agora de ser confirmados com testes de PCR. No dia seguinte, 26, foram realizados um total de 1227 testes na Várzea, Tira-Chapéu, Bela Vista, Terra Branca, de entre outros. 

“Destes, tivemos 19 pessoas resultado positivo e vão ter amostras de secreções respiratórias recolhidas para serem testadas pela técnica PCR”, declarou Jorge Barreto, que anunciou para amanhã a aplicação de testes rápidos em Calabaceira, Vila Nova e Achada São Filipe para as pessoas saberem se tiveram contacto com o vírus da Covid-19.  

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar