Economia

São Vicente tem 56 estabelecimentos de alojamento turístico activos

São Vicente tem 56 estabelecimentos de alojamento turístico em funcionamento, representando 19,2% do total nacional. Na liderança está a ilha de Santo Antão com 69 estabelecimentos de alojamento turístico, o que corresponde a 23,6%, seguido por Santiago com 65 (22,3%), segundo informações do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Os dados do inventário anual realizado pelo INE constatam da Estatística do Turismo. Este revela que, em finais de dezembro de 2021, estiveram em actividades em todo o país 2992 estabelecimento hoteleiros, mais 135,%% que o mesmo período do ano passado. Estes ofereciam 14.448 quartos, reduzindo-se em um acréscimo de 460,4% em relação ao mesmo período de 2020. 

Registava-se igualmente acréscimo em camas (490%), capacidade de alojamento (512,8%) e pessoal empregado (432,7%), fase ao mesmo período. Santo Antão era a ilha com maior número de alojamento funcionando, enquanto que a Brava aparecia na cauda da lista com apenas 9 estruturas activas (3,1%). 

S. Vicente, de acordo com este levantamento, é a ilha onde ocorreu maior acréscimo, com mais 46 estabelecimento hoteleiros. Santiago somou mais 45 em relação ao ano anterior, Sal 22, Fogo 17 e Boa Vista 9. Em relação ao tipo de alojamento verificou-se um aumento generalizado fase a 2020: mais 64 residenciais, 37 hotéis, 23 pensões, 13 hotéis-apartamentos, 12 pausadas e 5 aldeamentos turísticos. 

As residenciais passaram a ser o s estabelecimentos com maior peso, representando cerca de 35% do total. Os hotéis aparecem em segundo com 23% e as pensões em terceiro com 22%. Sal continua a ter mais número de quatros disponíveis com 56%, seguindo da Boa Vista (19%) e Santiago (8%). Seguindo a mesma lógica, a oferta de camas concentrava-se no Sal com 58%, seguido por Boa Vista com 21% e Santiago com 7%. Todas as restantes ilhas ofereciam cerca de 14% do total de camas disponíveis. 

Os estabelecimentos hoteleiros empregavam cerca de 8.400 pessoas, um acréscimo de 432,7% em relação ao período homologo de 2020. A maior parte destas pessoas, cerca de 86%, trabalha nos hotéis. Sal continua a ser a ilha com maioria do pessoal empregada nos estabelecimentos de alojamento turístico, com cerca de 59 em cada 100. Em seguida aparece BV com 16%, ST 10% e SV 8%. 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo