Atualidade
Tendência

PR assume publicamente compromisso de defender prestígio das Forças Armadas

O Presidente da República assumiu publicamente o compromisso de defender o prestígio da instituição militar e de assegurar aos cabo-verdianos que tudo fará para que os jovens que servem a Pátria no serviço militar se sintam orgulhosos. José Maria Neves visitou ontem os militares feridos no acidente de Guindão, durante o incêndio no perímetro florestal da Serra da Malagueta.

O Chefe de Estado fez estas declarações após a visita para manifestar solidariedade e desejar rápida recuperação aos militares acidentados e que continuam hospitalizados. Segundo JMN, cinco militares ainda estão internados no Hospital Universitário Agostinho Neto e 19 estão em recuperação na Policlínica das Forças Armadas. “O atendimento no hospital tem sido muito bom. As Forças Armadas têm sido inexcedíveis no acompanhamento dos feridos e no seguimento psicológico dos seus familiares e dos daqueles que perderam a vida”, escreveu o Presidente da República na sua página oficial. 

José Maria Neves aproveita a ocasião para pedir aos cabo-verdianos para manifestarem o seu apreço às Forças Armadas pelo seu envolvimento patriótico na defesa nacional, lembrando que tem sido assim em todos os momentos decisivos da República. “A participação das Forças Armadas no combate aos desastres naturais, às epidemias e mais recentemente à pandemia da Covid 19 deve ser destacada, pela sua coragem, abnegação e entrega ao bem comum”, exemplificou.

Sobre o acidente que vitimou oito militares aquando do incêndio na Serra da Malagueta, o PR garantiu que se está a fazer um rigoroso inquérito às suas causas, para que acontecimentos dessa envergadura não voltem a repetir-se. “Se houver responsabilidades elas devem ser assacadas”, pontua, destacando, por outro lado, que se torna necessário uma aprofundada avaliação de todo o Sistema Nacional de Proteção Civil, de modo a identificar eventuais fragilidades e constrangimentos que prejudicam o seu desempenho e propiciar medidas orientadas para o seu melhoramento. 

Congratulou, com a decisão do Governo, que aprovou as Pensões de Sangue para os herdeiros dos malogrados militares. Elogiou, igualmente, os esforços que vem sendo feitos para garantir apoio psicológico a todos os envolvidos e afetados por esse trágico acidente. “Torna-se também urgente compensar as famílias que perderam os seus bens durante o fatídico incêndio”, indica. 

Pub.

Enquanto Comandante Supremo das Forças Armadas, JMN compromete-se a defender o prestígio da instituição e de assegurar a todos os cabo-verdianos que tudo fará para que os jovens que servem a Pátria no serviço militar se sintam orgulhosos e continuem a levantar bem alto o nome de Cabo Verde.

Mostrar mais

Constanca Pina

Formada em jornalismo pela Universidade Federal Fluminense (UFF-RJ). Trabalhou como jornalista no semanário A Semana de 1997 a 2016. Sócia-fundadora do Mindel Insite, desempenha as funções de Chefe de Redação e jornalista/repórter. Paralelamente, leccionou na Universidade Lusófona de Cabo Verde de 2013 a 2020, disciplinas de Jornalismo Económico, Jornalismo Investigativo e Redação Jornalística.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo