AtualidadeEscolha do Editor
Tendência

Autárquicas 2020: PAICV ganha Capital e mais sete municípios

O PAICV venceu as eleições autárquicas na Capital, que concentra cerca de metade dos eleitores nacionais, e em mais sete municípios, contrariando assim de forma contundente as afirmações feitas pelo Primeiro-ministro e presidente do MpD que anunciava, antecipadamente, que o seu partido iria ganhar nos 22 município e o próprio candidato Óscar Santos, que prognosticava uma vitória com mais de 70% dos votos. A presidente do PAICV, Janira Hopffer Almada, era por isso uma pessoa feliz com a performance do seu partido, sobretudo perante uma luta desigual  em recursos financeiros e outras interferências. 

JHA agradeceu os eleitores pela confiança depositada nas candidaturas do PAICV, mesmo lá onde não venceram porque, afirmou, foram bem acolhidos e puderam contribuir para o reforço da democracia em Cabo Verde. “Mas quer realçar a importância desta vitória em oito CM, entre as quais a da Capital, mas também em S. Filipe que sempre foi muito simbólica para o PAICV. Quero destacar a vitória na Boa Vista pela sua dimensão do ponto de vista turístico e pelo impacto que tem, mas não posso deixar de realçar a conquista das CMs do Tarrafal e de S. Domingo que nunca foram governados por nós e a vitória na Ribeira Grande de Santiago, pela primeira vez.”

A presidente do PAICV endereçou ainda uma saudação e reconhecimento especial aos municípios dos Mosteiros e Santa Cruz, que renovaram a confiança nos projectos autárquicos do partido e ressaltou o facto do MpD ter perdido a maioria absoluta em duas CMs, S. Vicente e S. Catarina. “Dois resultados provisórios, as candidaturas do PAICV venceram em 8 municípios. Entretanto, vamos participar de forma atenta no apuramento geral dos resultados em S. Catarina do Fogo, considerando a queixa apresentado na Comissão Nacional de Eleições, tendo em conta a distribuição de cadernos eleitorais alterados na noite de sábado. Havendo qualquer indicio de irregularidade, impugnaremos as eleições naquele município”, avisa. 

Enquanto isso, JHA quer valorizar a vitória do PAICV, lembrando que o seu partido se apresentou à estas eleições com apenas duas CMs, sem a Praia, que é Capital de Cabo Verde, e sem S. Filipe, um baluarte do partido. “Veja os recursos exorbitantes dispensados pelas candidaturas do MpD. O candidato do PAICV Francisco Carvalho, agora eleito, não teve como adversário apenas o do MpD. Teve todos os membros do Governo e o presidente da Assembleia Nacional. Portanto, a luta foi desigual”, constata, acrescentado que, felizmente, o povo de Cabo Verde já demonstrou que sabe valorizar a humildade, a honestidade e a responsabilidade e aqueles que estão na política para prestar um serviço público.  

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo